10 de jan de 2012

Em setembro do ano passado, o 38º Senac Moda Informação, realizado em São Paulo, antecipou as principais tendências para a temporada de inverno 2012. Elas foram separadas em cinco grandes temas, a partir de uma pesquisa realizada pela consultora de moda Luciana Parisi em Nova York, Londres, Paris e Milão.

Separamos aqui embaixo um super resumo feito pela Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção – ABIT para depois você poder conferir no Fashion Rio, que começa daqui a pouco, como isso tudo vai se refletir nas passarelas brasileiras!

“O próximo inverno será tomado pelas cores, referências às décadas passadas e por tecidos planos”. (Luciana Parisi)

 Atelier 60’s – Grandes mestres da moda nos anos 60 como Yves Saint Laurent e Cristóbal Balenciaga voltam a influenciar as coleções das grifes internacionais. A arte também é uma das referências deste tema. As formas geométricas são usadas nas estampas e modelagens, com quadrados e círculos feitos com zíperes. Outro destaque para os aviamentos fica por conta dos botões que são decorativos. Ainda dentro do “shape”, algumas roupas contam com golas funil e “Peter Pan”, além de vestidos tubinho, tailleurs e calças com cós largos, skinny e cigarretes. Já os tecidos mais vistos foram as malhas compactas, além do lurex com acabamentos escovados, texturas, relevos e volumes. Entre as cores estão as vivas em contraste com tons neutros , como vermelho, azul, laranja, amarelo misturado com preto, grafite, fumaça, nude.

Alta Burguesia – O luxo e a realeza são explorados e representados por lenços, amarrações, bolsos utilitários e cores que remetem às pedras preciosas. O trunfo deste tópico são os tecidos como seda, jacquards, veludos, cetim, cashmere e rendados. Além disso, o estilo traz brilhos, aspectos metalizados e padronagens de animais, principalmente de pele de cobra. A silhueta será ampliada, com saias rodadas e volumosas. Nas camisas são usadas golas vitorianas, ombros e mangas arredondadas. A cartela é composta de rubi, esmeralda, ametista, safira, ouro e prata velhos.

Charme Masculino – A releitura das décadas de 70, 80 e 90 dos comportamentos dos estilos musicais grunge, rockabilly e punk rock são apresentados por este tema. Os tecidos usados são de malharia circular, como meia malha e moletom com texturas, além da flanela, as sarjas, o denim, o couro, os veludos e as lãs, que também serão materiais utilizados nas criações. As modelagens serão marcadas por detalhes de alfaiataria masculina, ombros largos, decotes V, camisas utilitárias, calças semi bag, coletes, saias retas e com fendas. Os tons serão de cinza, azuis marinhos e marrons, mas também, cores vibrantes, como o alaranjado e vermelho têm espaço garantido. As estampas e padronagens ficam por conta dos xadrezes, efeitos texturizados e grafismos.

Artsy – Diversos tipos de artes, como cinema, fotografia, artes plásticas e folk são inspiração do Artsy. A silhueta será composta de camadas, amarrações, babados nas mangas, vestidos alongados, saias midi com ou sem volume, calças com cinturas no lugar, pregas e pernas largas e camisas com maxigolas. A estamparia revela formas geométricas e abstratas, efeitos de patchwork, colagens e florais orientais. Os materiais são usados em contraste uns com os outros, como couros e cetim, ou jacquards e brocados, ou ainda lurex e malhas. Também observa-se o uso de lãs pesadas, veludos, nylon e jérseis. As cores são vermelho, preto, verde, amarelo e marrom.

Fetiche Dark – O gótico, sombrio, medieval, o mistério e a sensualidade são mesclados nas criações deste estilo. Com inspirações em filmes como “Eclipse” e “Blade Runner”, as peças apresentam peles sintéticas, aplicações de metais, lãs e couros em contraste com seda, cetim, rendas, jacquards e malhas fluídas. O “shape” é formado por golas gigantes, capuzes, mangas com ombreiras, casacos muito compridos, decote drapeado e assimétrico, calças sarouel e slim fit. As formas tanto em túnicas como em t-shirts e regatas são alongadas. Os aviamentos metalizados são explorados por meio de zíperes e fivelas. Já as estampas trazem referências aos animais, como cobras e onças e às imagens de fumaça e neblina. A cartela é construída pelo preto que é predominante das roupas, mas os tons de azul, vinho e verde também estão presentes nas composições.

Fonte (texto/imagens): http://www.abit.org.br

Cadastre-se

Receba Redken Drops e confira novidades e promoções Redken.







PROFISSIONAL CONSUMIDOR

Cadastro feito com sucesso!